Aproximadamente três mil moradores de Valinhos foram imunizados no mutirão contra a febre amarela realizado pela Prefeitura de Valinhos neste último sábado (24/2).

Quatro Unidades Básicas de Saúde (UBSs) foram abertas para a vacinação. A imunização foi das 8h às 17h nas Unidades Básicas de Saúde dos bairros: Jardim Pinheiros, Vila Santana, Bom Retiro e Jardim Paraíso.

O esquema de vacinação continua normal nesta semana. Hoje, a equipe responsável fará uma reunião para definir os próximos passos da campanha. A população de Valinhos está consciente da necessidade da vacinação.

Atualmente, são seis notificações para febre amarela em Valinhos, sendo um caso positivo de morte e outros cinco que ainda aguardam resultado de exame pelo Instituto Adolfo Lutz. Entre os cinco suspeitos há uma morte.

Das seis notificações, quatro são de uma mesma família. Além de dois irmãos gêmeos, de 38 anos (um morreu), um sobrinho, de 16 anos, uma mulher de 62 anos também apresentou os sintomas nesta semana. Ela passa bem.

A Secretaria da Saúde não descarta que os cinco casos em investigação possam ser também de dengue hemorrágica ou febre maculosa, principalmente pelas semelhanças entre os sintomas.

As 13 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade estão vacinando todas as pessoas que chegarem com um comprovante de endereço e documentos com foto. Não há restrição ou uso de senhas limitadas.

A vacina gratuita é aplicada em dose única, sem a necessidade de reforço. Ela deve ser tomada por crianças a partir de nove meses, adolescentes e adultos até 59 anos. Já pessoas acima de 60 anos, gestantes, pessoas com HIV/Aids e mulheres que estão amamentando podem tomar com restrição.

O Certificado de Vacinação Internacional, para aqueles que vão viajar fora do Brasil, pode ser solicitado no departamento de saúde coletiva, na Vigilância Epidemiológica. O primeiro passo é fazer um cadastro no site da ANVISA http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia e levar na Vigilância.

É necessário levar também cópia do comprovante de vacinação, comprovante de endereço, comprovante de viagem, CPF e RG, em qualquer dia da semana, o certificado de Vacinação Internacional fica pronto após 3 dias úteis.

O departamento de saúde coletiva, na Vigilância Epidemiológica, fica na Av. Brasil, 144, na Vila Santana. Mais informações pelo telefone 3829-5670.

Além disso, a Prefeitura pede que as pessoas façam a sua parte e eliminem possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti. A orientação é para que nenhum tipo de objeto que possa acumular água fique exposto em áreas descobertas.

FONTE: PMV