O Procon (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor) de Valinhos alerta comerciantes, fornecedores e prestadores de serviços em geral para possíveis falsos funcionários do órgão.

O golpe, que inclui a venda do Código de Defesa do Consumidor (CDC), ainda não foi aplicado na cidade, mas há registros de casos em vários municípios da região.

A prevenção a possíveis golpes na cidade ocorre desde o início do ano, uma vez que o órgão se preocupa em manter o comércio local orientado e informado sobre os procedimentos necessários em vários casos.

Mensalmente, dois servidores municipais do Procon devidamente identificados com crachá da Prefeitura e uniformizados com jalecos azul marinho com emblema da Prefeitura e Procon, visitam o comércio e fornecedores em geral.

Também distribuem gratuitamente o Código de Defesa do Consumidor e orientam sobre os direitos e deveres constantes do estatuto.

Segundo a diretora do órgão, Dra. Vilma Albuquerque, quando necessário, faz uso ainda da Rádio Valinhos FM (105,9) e da Associação Comercial e Industrial de Valinhos (ACIV), para divulgar informações em geral sobre direitos e obrigações, além de alertas em geral.

FONTE: PMV